Seguro do cão de bull terrier

Ao contrário da crença popular, o Bull Terrier é um cão adorável que é a alegria de seus mestres e famílias que o adotam.

Muito ativo, o cão gosta de ir para casa e ama a atividade física. Ele também é dócil e relativamente frágil. Para desfrutar plenamente do seu cão Bull Terrier por um longo tempo, é aconselhável fazer um seguro. Graças a isso, os atos de prevenção, os cuidados e os exames custarão muito menos caro.

O Bull Terrier, um cão para descobrir ou redescobrir

A imagem que algumas pessoas têm do Bull Terrier está errada. Este cão da Grã-Bretanha tem como antepassado o Bulldog Inglês. Ele é originalmente um cão de luta, mas também um cão de caça. Além disso, seu nome significa gladiador. O Bull Terrier é um cão de tamanho médio, pois mede entre 35 e 50 cm. Dependendo das especificidades do cão, pesará entre 20 e 40 quilos.

O Bull Terrier tem pêlos curtos e uma constituição muito musculosa. É reconhecível pela sua cabeça em forma de ovo, nariz romano e olhos muito escuros. Este cão é muito curto nas pernas. É branco, castanho ou acastanhado. Às vezes tem um ponto ao redor do olho.

Caráter fácil e energia ilimitada

O Bull Terrier não é um cachorro mau. A menos que você seja criado como um cão de combate, não há nada perigoso. Pelo contrário! É uma raça de cachorro muito boa . De fato, o Bull Terrier é doce e carinhoso. Ele é ativo e jogador. É o cão ideal em casa, para famílias ou esportistas. Deve-se notar que o animal precisa de companhia. Se você deixá-lo sozinho em muito ou muito tempo, ele pode desenvolver ansiedade de separação.

O Bull Terrier continua sendo um cão poderoso. Não é recomendado adotar um se você não conhece seu passado. As famílias têm todo o interesse em escolher o seu muito jovem Bull Terrier para socializar e educá-las na melhor das hipóteses.

As necessidades do Bull Terrier

Como já vimos, o Bull Terrier precisa de companhia e atividade física. Andar a pé, andar de bicicleta, correr, acompanha-lo com alegria! Ele também vai jogar bola com as crianças.

Esta atividade física é essencial para o animal porque é particularmente propenso à obesidade. O Bull Terrier tem um bom apetite. Ele não deve ter nenhum croquete à sua disposição, porque ele os comeria todos. Sua dieta deve ser rica em proteínas porque esse cachorro é muito musculoso. Ele também precisa de vitaminas e minerais para ter um bom casaco. A quantidade de comida para dar depende da idade do animal, seu estado de saúde, sua atividade. Seu veterinário vai te conhecer!

Monitoramento regular no veterinário lhe permitirá oferecer ao seu cão um excelente estilo de vida. Com um seguro de cão Bull terrier, os custos de saúde e prevenção, como a vacinação, são atendidos.

Distúrbios hereditários do Bull Terrier

O bull terrier é um cão relativamente frágil. Ele está particularmente preocupado com distúrbios hereditários. O mais comum é a surdez. Na verdade, o cão pode ter surdez unilateral (um lado) ou bilateral (ambos os lados). Se comprar o seu Bull Terrier de um criador, pode pedir-lhe que lhe forneça os resultados do teste PEA (Potencial Evocado Auditivo) do cão que pretende adoptar mas também, se possível, o dos seus pais. Este exame é frequentemente realizado em cães desta raça.

O deslocamento da lente também é uma doença hereditária e muito comum no Bull Terrier. Causa um olho vermelho e distorcido, dor significativa e problemas de visão. Para tratar a luxação da lente, a cirurgia é necessária. Para que os custos de saúde não afetem seu orçamento, é melhor tirar um seguro para cães, o Bull Terrier. Dependendo da cobertura escolhida, você pode contar com o reembolso de cuidados, procedimentos cirúrgicos e até medicação.

Doenças Bull Terrier

Como muitos cães, o Bull Terrier é mais suscetível a certas doenças. Por exemplo, seu pêlo é uma fonte de muitos problemas de pele, como eczema, dermatite ou pioderma. A pele também é mais vulnerável a parasitas. Se você mora no campo, cuidado com carrapatos!

O Bull Terrier também é afetado por certas doenças cardíacas, como sopro cardíaco, estenose ou displasia, mas também por distúrbios renais. Desordens articulares, como luxações, também são comuns.

Por que assinar um Mutual Dog Bull Terrier?

O seguro para cães da Bull Terrier é interessante porque ajuda a lidar com os diferentes custos de saúde. Estes últimos intervêm em caso de acidentes. Esses acidentes não são incomuns em Bull Terriers porque esses cães são muito ativos e desajeitados. De acordo com as garantias subscritas, certos atos de prevenção serão atendidos como a vacinação, o vermífugo, a esterilização e os diversos controles. Em caso de doença, o seguro canino reembolsa as consultas, os tratamentos médicos, os exames e até mesmo certos atos de cirurgia.

Se você tem um Bull Terrier, o seguro é essencial! Escolha garantias de acordo com as necessidades do seu cão e seu orçamento e cuide do seu animal de estimação.